Sobre Sobre

O projeto “Saúde Mental e Educação: tecendo cuidados e saberes na Univer(cidade)” tem como objetivo promover o cuidado e o autocuidado em saúde mental em tempos de pandemia e também com foco nas consequências desse momento vivido. Do ponto de vista da atenção à saúde mental, faz-se necessário levar em consideração não só os efeitos imediatos, que já têm se mostrado preocupantes, mas também os tardios (a médio e longo prazo) que surgem em situações de catástrofes, para que possam ser pensadas estratégias adequadas que venham a contribuir com os cuidados e auto cuidado em saúde mental.

Na busca da concretização de tal objetivo, este projeto está sendo desenvolvido a partir de quatro eixos:

  1. Promoção de informações sobre o cuidado e autocuidado em saúde mental;
  2. Diálogos em Saúde Mental;
  3. Escuta acolhedora – dispositivo de acolhimento;
  4. Grupo de estudos – articulação teoria e prática.

Com os quatro eixos o projeto produz informação, diálogos e cuidado na busca de contribuir com a saúde mental da comunidade acadêmica, mas também para um público que ultrapassa os muros da Universidade. Busca seguir atingindo também a sociedade em geral, com as informações nas redes, os diálogos virtuais abertos à comunidade e a escuta acolhedora que é ofertada também a dependentes de servidores (maiores de 18 anos).

Nomes dos participantes:

  • Aldineia Freitas dos Santos Rodrigues (colaboradora voluntária)
  • Andréa Maria Neves (colaboradora voluntária)
  • Bruna Maria de Oliveira Melo (membro da comissão organizadora)
  • Cínthia Késsia de Souza Mendes (vice- coordenação)
  • Kátia Simone Vasconcelos de Andrade (coordenação)
  • Lucielle da Silva Farias (colaboradora voluntária)
  • Bárbara Mariana do Nascimento Silva (psicóloga extensionista voluntária)
  • Maria Beatriz Lira dos Santos (psicóloga extensionista voluntária)
  • Mônica Quintas D’Able Silva (psicóloga extensionista voluntária)