Sobre o Núcleo Sobre o Núcleo

O Núcleo de Ciências da Vida, criado em 2014, pertence ao Centro Acadêmico do Agreste (Caruaru), onde é oferecido o Curso de graduação em Medicina. Atualmente, possui 26 docentes, 18 técnicos e importantes parceiros locais como a Faculdade ASCES e a Prefeitura Municipal de Caruaru.

Breve histórico do Curso de Medicina da UFPE

O dia 05 de Abril de 1915 marca a fundação da Faculdade de Medicina de Recife, a primeira instituição a formar médicos no estado de Pernambuco. Em 1928, foi equiparada às demais faculdades oficiais do Brasil, mas só em agosto de 1946, foi incorporada à Universidade do Recife. Em 1949, foi federalizada e passou a integrar a Universidade do Recife, com o então nome Faculdade de Medicina da Universidade do Recife. Em 1928, foi equiparada às demais faculdades oficiais do Brasil, mas só em agosto de 1946, foi incorporada à Universidade do Recife. Em 1949, foi federalizada e passou a integrar a Universidade do Recife, com o então nome Faculdade de Medicina da Universidade do Recife, continuando a funcionar com sede no prédio do Derby com as cadeiras básicas e nos Hospitais: Pedro II, Santo Amaro, Hospital Infantil Manoel Almeida, Hospital da Tamarineira, Hospital do Centenário e Maternidade do Derby com as cadeiras clínicas. Tradicionalmente as colações de grau ocorriam no Teatro Santa Isabel e sempre no dia 08 de dezembro. Em 1958, a Faculdade de Medicina da Universidade do Recife deixou sua sede no prédio do Derby, transferindo-se para o Campus da Universidade no Engenho do Meio, permanecendo aí até 1975, quando então sua Congregação foi extinta, suas instalações cedidas para o Centro de Ciências da Saúde (CCS), por força da reforma administrativa projetada desde 1964.

O Curso de Medicina do CAA

O Curso de Medicina do CAA é a realização de um sonho que começou muitas décadas atrás. Iniciou-se num contexto em que o Brasil vem debatendo amplamente a necessidade de reforma do ensino médico, que precisa ser centrado nas necessidades sociais da população brasileira e do Sistema Único de Saúde (SUS). Essa expansão de vagas do ensino médico nas IFES está sendo acompanhada e avaliada, ao longo de todo o processo, pela Secretaria de Educação Superior, do Ministério da Educação, e pela Secretaria da Gestão do Trabalho e Educação na Saúde do Ministério da Saúde, em suas prerrogativas constitucionais de regular e de ordenar, respectivamente a formação de Recursos Humanos para a saúde.

Importância Estratégica

A implantação do Curso de Medicina no Centro Acadêmico do Agreste tem relevância estratégica para o município de Caruru e toda região do Agreste pernambucano. Caruaru é reconhecidamente um importante centro de convergência econômica no estado de Pernambuco, destacando-se nas áreas de confecção, arte figurativa e agroindústria. No município de Caruaru, a UFPE/CAA é a primeira instituição a oferecer um Curso de Medicina, apesar de a região já ofertar na rede privada alguns cursos da área da saúde. Assim, nossa Universidade coopera para o desenvolvimento da região como mais um novo polo da saúde no Estado de Pernambuco. O curso prevê a formação dos profissionais de saúde como um projeto educativo que concebe a educação para além do domínio técnico-científico da profissão e estende-se pelos aspectos estruturantes de relações e de práticas em todos os componentes de interesse ou relevância social.