Universidade Federal de Pernambuco - Restaurante Universitário
Instruções para cadastro e reativação no RU PDF Imprimir E-mail

Instruções para cadastro e reativação no RU

 

1. Acessar o perfil do SIG@;

2. Consultas;

3. Detalhamento do discente;

4. Informações do discente;

5. Restaurante Universitário;


6. Clicar em: Seu registro não foi encontrado no Restaurante Universitário, Cadastrar;

8. Comparecer à sala da administração, munido de documento oficial com foto e CPF, para cadastrar a biometria.

Obs.: No caso de reativação, não é necessário refazer o cadastro da biometria.

 
Perguntas Frequentes PDF Imprimir E-mail

Por que o suco e o café não têm açúcar?

Na verdade, eles têm açúcar. O açúcar colocado é na quantidade ideal para adoçar, sem excessos, com o intuito de preservar a saúde e hábitos saudáveis.

Por que todo dia a opção vegetariana no cardápio do RU é soja?

Porque no contrato entre a UFPE e a empresa terceirizada, reza que a opção vegetariana seja soja.

Por que o suco do RU é tão “ralo”?

Na realidade, o que é ofertado no RU é REFRESCO. E não suco. Isso está em contrato. A ideia é oferecer algo que refresque, contribuindo para melhor bem-estar do aluno.

Por que não se pode pegar mais de um copo de suco?

Porque no contrato entre a UFPE e a empresa terceirizada, reza que é apenas 1 (um) copo de refresco ou café ou café com leite, a depender da refeição (se desjejum, almoço ou jantar).

Por que não se pode pegar mais de uma sobremesa? E por que se tem que escolher entre a fruta e o doce, e não se pode pegar os dois?

No contrato entre a UFPE e a empresa terceirizada, é especificado que, no almoço, o cliente deve escolher 1 (um) doce ou 1 (uma) fruta. Essa especificação foi tomada com base nas necessidades nutricionais/calóricas da clientela atendida.

 

Continuem contribuindo com suas sugestões e dúvidas!

Estamos abertos a quaisquer esclarecimentos.

Diretoria RU/UFPE

 

 
Refeição dos funcionários terceirizados do RU PDF Imprimir E-mail

Queremos esclarecer à comunidade acadêmica que não é uma prática comum os funcionários de Serviços de Alimentação realizarem suas refeições no horário de pico de atendimento à clientela e no mesmo espaço, uma vez que neste momento, todas as ações devem ser voltadas aos usuários do Restaurante. Normalmente, os que copoem as Unidades de Alimentação e Nutrição alimentam-se antes ou depois dos usuários.  No nosso RU, uma prática diferenciada foi instalada.

Por várias vezes recebemos reclamações de que os funcionários tinham tratamento privilegiado, podendo consumir porções maiores ou diferentes dos estudantes. Como a Universidade não tem gerência sobre a alimentação dos mesmos, pois pagamos apenas pelo consumo do aluno, o qual é previamente acordado em contrato, sugerimos que suas refeições não fossem efetivadas conjuntamente com os alunos, para que estes não se sentissem ultrajados e também para que os terceirizados ficassem mais à vontade nas suas escolhas alimentares.

Após esta decisão, vários alunos procuraram a Direção do RU para apresentar seu desconforto diante do ocorrido, considerando discriminatória esta atitude por parte de nossa gestão.

Apenas reforço que cada atividade profissional tem suas peculiaridades e esta é uma entre várias dos Serviços de Alimentação.

Apesar de tudo isto, queremos informar que acordamos com a Empresa Terceirizada que seus funcionários poderão continuar fazendo suas refeições juntamente com os alunos. Pedimos simplesmente que aqueles respeitem regras idênticas às apresentadas aos alunos com o objetivo de não constrangê-los.

Informamos que o contrato nº 32/2014 firmado entre a UFPE e a Casa de Farinha está disponível no site da Progest para eventuais consultas.

Direção do RU.

 

 

 

 
Cafezinho PDF Imprimir E-mail

LEMBRAMOS QUE O CAFEZINHO É UMA CORTESIA DA EMPRESA.

POR GENTILEZA SIRVAM-SE APENAS DE UM COPINHO DE 50ml.

A DIREÇÃO DO RU.

 
Esclarecimentos sobre o contrato entre UFPE e Casa de Farinha PDF Imprimir E-mail

Esclarecendo algumas dúvidas sobre o contrato entre UFPE e Casa de Farinha

Por que o aluno precisa escolher entre 1 (uma) sobremesa ou 1 (uma) fruta no horário do almoço? Por que o aluno não deve pegar mais de 1 (uma) sobremesa? Por que o aluno só deve pegar 1 (copo) de suco/café nas refeições? Por que a quantidade de carne/frango é porcionada?

 

O contrato entre UFPE e Casa de Farinha rege quantidades/porções de cada tipo de alimento que é servido, com base numa estimativa de necessidade calórica para a faixa etária da clientela que é atendida. Além disso, o contrato rege que o aluno deve escolher entre a sobremesa ou a fruta e que a quantidade de líquido ofertado (suco/café/café com leite) deve-se limitar ao copo que é servido, com o intuito de estimular e garantir uma refeição nutricionalmente balanceada e completa, contribuindo para uma alimentação saudável. Além disso, o porcionamento das carnes (bovina, suína, de aves, etc.) é baseado em uma quantidade que satisfaz as necessidades do corpo humano.

Ademais, lembramos que o objetivo do Restaurante Universitário também é de contribuir para a saúde e educação nutricional dos estudantes, na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL