Departamento de Fisioterapia

Informes Informes

Voltar

Simpósio e disponibilização de livros digitais marcam o Dia do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional

O evento segue até a próxima sexta-feira em modo-online e conta com palestras ministradas apenas por mulheres

O Dia do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional, comemorado ontem (13), contou com atividades para marcar a data. O Simpósio de Fisioterapia da UFPE começou ontem (13) e segue até o próximo dia 16, em modo on-line. Paralelamente, dois livros de autoria do professor da UFPE Alberto Galvão de Moura Filho ganharam acesso público no site da Editora UFPE.

Este ano, o Simpósio de Fisioterapia tem como tema “Representatividade, Protagonismo e Desafios”. O evento é uma realização do Diretório Acadêmico de Fisioterapia em parceria com a coordenação de graduação do curso de Fisioterapia e a chefia do Departamento de Fisioterapia da UFPE. A programação conta com palestras ministradas apenas por mulheres, e os temas podem ser conferidos no Instagram do DA Fisio UFPE. O evento tem transmissão no canal do DA Fisio UFPE no YouTube.

LIVROS – Também para marcar o Dia do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional, dois livros do professor Alberto Galvão de Moura Filho, do Departamento de Fisioterapia da UFPE, ganharam acesso gratuito em suas versões digitais. As obras foram publicadas pela Editora UFPE.

O livro “Fisioterapia na UFPE: uma história em três tempos” traz um registro do contexto social e dos acontecimentos que marcaram a criação do curso de Fisioterapia da Universidade. 

Já “Dia do Fisioterapeuta e do Terapeuta Ocupacional: um resgate de memória” aborda estas áreas a partir da data dedicada aos seus profissionais: 13 de outubro. O livro narra acontecimentos históricos e apresenta documentos e imagens relevantes sobre o tema. 

Com atividades formais iniciadas no dia 26 de março de 1962, o curso de Fisioterapia da UFPE é o primeiro das regiões Norte e Nordeste e o terceiro do Brasil (o primeiro é o da Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação (ABBR), no Rio de Janeiro, e o segundo é o da Universidade de São Paulo (USP), em São Paulo). Além disso, a graduação da UFPE é a primeira do país ofertada em uma instituição pública federal.  

“Os egressos da UFPE tiveram participação importante na regulamentação da profissão. A história será relatada no próximo livro do professor Alberto [Galvão de Moura Filho], intitulado ‘Reconhecimento do Fisioterapeuta: fatos e controvérsias’", explicou a chefe do Departamento de Fisioterapia da UFPE, professora Caroline Wanderley Souto Ferreira. A obra mencionada será lançada em breve.

Mais informações
chefia.fisioterapia@ufpe.br

Data da última modificação: 14/10/2020, 18:24

Contato Contato

Chefia
(81) 2126-8491
Secretaria
(81) 2126-8490
Coordenação do curso

Localização Localização