Navegação Navegação

Voltar

Projeto presta atenção à saúde de pessoas com doenças reumatológicas

No período, foram realizadas reuniões técnicas e coleta de dados junto a pacientes do Ambulatório de Reumatologia do Hospital das Clínicas

O Laboratório de Tecnologia Assistiva e Terapia Ocupacional (Labtato) da UFPE recebeu a visita, no período de 11 a 14 deste mês, da professora Giselle Merino, docente da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), coordenadora de projetos do Núcleo de Gestão em Design/Laboratório de Design e Usabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

No período, foram realizadas reuniões técnicas e coleta de dados junto a pacientes do Ambulatório de Reumatologia do Hospital das Clínicas, quando os pacientes foram avaliados quanto à função manual e ao desempenho nas atividades diárias, e foram realizados testes de usabilidade de produtos de Tecnologia Assistiva, industrializados e impressos em 3D, recebidos na etapa anterior da pesquisa.

Durante as avaliações, foram utilizadas câmera termográfica e eletromiógrafo para mensurar, respectivamente, variações na temperatura corporal e atividade muscular, antes e após a utilização dos produtos assistivos, durante as atividades diárias, como descascar e cortar alimentos, abrir tampas, visando independência na alimentação e preparo de refeições.

Giselle Merino e o professor Eugênio Merino, também coordenador do NGD/LDU UFSC, são membros da equipe do projeto de pesquisa “Atenção à Saúde de Pessoas com Doenças Reumatológicas: Desenvolvimento de Produtos Assistivos e Formação de Recursos Humanos em Tecnologia Assistiva”, aprovado pelo Labtato UFPE na Chamada Pública Facepe 10/2017, Programa Pesquisa para o SUS: Gestão Compartilhada em Saúde/PPSUS-Pernambuco, CNPq/MS/SES/Facepe. A pesquisa é coordenada pela professora Danielle Sanguinetti, do Departamento de Terapia Ocupacional da UFPE.

Data da última modificação: 22/11/2019, 09:28