Voltar

HC abre a Semana da Prematuridade com homenagens às mamães e à equipe da assistência

Campanha se destina a evitar e prevenir o parto prematuro (antes de 37 semanas)

A Unidade Neonatal do Hospital das Clínicas da UFPE promoveu na manhã de hoje (18), a abertura da Semana da Prematuridade na instituição, para celebrar o Dia Mundial da Prematuridade, comemorado no último dia 17. O evento promoveu um café da manhã para as mamães internadas e para a equipe. O HC é unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

Carmen Aymar, coordenadora da Unidade Neonatal do HC, abriu o evento ressaltando que o objetivo da campanha é a sensibilização sobre a prematuridade e a importância de evitar e prevenir o parto prematuro (antes de 37 semanas) e reforçou ainda que “o HC cuida não só do bebê prematuro como também da família prematura”.

Foto: Moisés de Holanda/HC-Ebserh

Mães internadas e equipe participaram do evento

Em seguida, a gerente de Atenção à Saúde do HC, Délia Duarte, falou que o principal objetivo é o cuidado com os bebês prematuros e a qualidade da assistência prestada. “Uma das minhas metas foi implementar as mudanças e melhorias que a Unidade Neonatal necessitava e fico muito feliz por ter feito parte desse processo. Hoje não posso deixar de falar da importância e da qualidade do trabalho que a equipe presta aos bebês e às mamães com tanto carinho e determinação”, afirmou.

A médica assistente da Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Canguru (Ucinca) Thaísa Delmondes falou que o momento era de celebrar a vida. “Quando olhamos para esses bebês, eles nos remetem amor, esperança e vida. São pacientes muito especiais e somos muito agradecidos de poder cuidar e prestar assistência a eles”, explicou.

A dona de casa Juliana Xavier tem 40 anos, mora no município de Barreiros (distante 115 km do Recife) e teve uma gestação de alto risco. Ela foi encaminhada ao HC e sua filha nasceu na segunda-feira (11). “Estou bastante emocionada, pois tive uma gravidez muito complicada do início ao fim. Eu tinha muito medo de perder a minha filha e de não ser bem atendida, mas, aqui no HC, eu me senti acolhida e vejo que minha filha está sendo bem assistida, está se recuperando e me sinto muito grata e aliviada”, disse.

A equipe da Unidade Neonatal também foi homenageada pela Gerência de Saúde da Criança da Secretaria Estadual de Saúde (SES), que reforçou a qualidade do trabalho que é prestado no HC, além de relembrar a inauguração e funcionamento da Ucinca.

 

 

Data da última modificação: 18/11/2019, 16:15