Voltar

Estudantes do CAC dão nova cara a ares-condicionados do prédio

Ação foi feita por estudantes da licenciatura em Expressão Gráfica

Foto: Divulgação

Ação funcionou como atividade final da disciplina Tópicos em Desenho Artístico

Alguns ares-condicionados do Centro de Artes e Comunicação (CAC) passaram por intervenção artística que os deixaram mais bonitos e coloridos. A ação funcionou como atividade final da disciplina Tópicos em Desenho Artístico, ministrada pela professora Sandra Melo, do curso de licenciatura em Expressão Gráfica. Sete estudantes encheram de cores as caixas dos condensadores de nove ares-condicionados na área do jardim interno do centro.

A ideia de colorir os equipamentos surgiu a partir de uma sugestão feita pelo professor Maurício Rocha de Carvalho, do Departamento de Ciência da Informação. O professor teria criado um minijardim, com intuito de deixar o ambiente mais bonito. No entanto, de acordo com Sandra, os equipamentos “quebravam essa aura”. Então, ela sugeriu aos seus alunos que fizessem a intervenção baseada em uma pesquisa sobre arte urbana.

Sandra Melo avaliou como muito positiva a participação dos alunos na iniciativa. “Eles foram muito dedicados. Além do trabalho de pesquisa sobre arte urbana ainda teve o esforço físico para pintarem os equipamentos”, explicou.

O estudante Túlio Seabra avalia que participar da ação foi de grande importância na construção de um sentimento de pertencimento ao lugar e um grito coletivo de quem está cheio de ideias e pouco espaço para se expressar. Para ele, ter espaços para potencializar a visibilidade das produções artísticas e, consequentemente, o intercâmbio dos saberes é o caminho para uma comunicação coletiva. “Graças a uma iniciativa do professor Maurício, em parceria com a professora Sandra, eu e a turma da disciplina podemos dar esse grito coletivo”, completou.

 

Data da última modificação: 17/12/2019, 11:49