Voltar

Comissão do HC se reúne para construir relatório de avaliação interna de qualidade

Atividade integra o Programa Ebserh de Qualidade, que consiste em um sistema próprio de avaliação periódica das atividades nos hospitais da rede Ebserh

Como estão os processos de trabalho assistenciais, administrativos, de gestão e de ensino e pesquisa? É necessário melhorar em alguns aspectos? O hospital é referência para outras unidades? Essa é a avaliação que começa a ser feita, com a nova fase do Programa Ebserh de Qualidade, que consiste em um sistema próprio de avaliação periódica das atividades para promover a cultura de melhoria contínua dos serviços prestados à população brasileira. Dentro do programa, está previsto o Selo Ebserh de Qualidade – SEQuali, que visa reconhecer formalmente os hospitais que atingirem padrões estabelecidos no sistema de avaliação.

Foto: Unidade de Comunicação do HC/Ebserh

Superintendente e equipe atuam para conformidade das práticas no HC

Na última terça-feira (28), a Comissão de Avaliação Interna da Qualidade do Hospital das Clínicas da UFPE, unidade vinculada à Ebserh, se reuniu com a superintendente do HC, Sylvia Lemos Hinrichsen, para discutir a construção da primeira parte do relatório da avaliação interna quanto à conformidade das práticas do hospital frente aos requisitos contidos no Manual de Diretrizes e Requisitos do Programa e Selo Ebserh de Qualidade

Um dos objetivos da avaliação interna (Avaqualis) é sensibilizar os profissionais quanto à necessidade e relevância da melhoria nos processos de trabalho, promovendo uma cultura voltada para o processo de aprendizagem. De acordo com a presidente da Comissão de Avaliação Interna da Qualidade do HC, Renata Tenório, a partir do resultado dessa primeira etapa do relatório, que deve ser concluída até 18 de fevereiro, a Comissão, formada por uma equipe de avaliadores (profissionais do próprio HC, escolhidos devido às competências técnicas e experiência), irá, em conjunto com a governança e as áreas envolvidas, construir a segunda parte do relatório que consiste em classificar os processos que serão priorizados e as ações de melhorias propostas para o ano de 2020.

“A avaliação interna da qualidade é um instrumento que nos auxilia a visualizar de forma sistemática nossos pontos fortes e o que precisamos melhorar. O objetivo é que esse trabalho possa tornar os nossos processos institucionais seguros para os profissionais e, sobretudo, para os pacientes”, afirmou Renata Tenório. Ela acrescentou que quanto mais organizado, sistematizado são os processos, mais qualitativa e segura é a prestação dos serviços do HC à sociedade.

“Neste momento inicial, estamos voltados para a consolidação da cultura de segurança do paciente do Hospital das Clínicas da UFPE. A conquista do Selo Ebserh de Qualidade será uma consequência a médio, longo prazo, como resultado do trabalho de todos”, finalizou.

SELO EBSERH – O Selo Ebserh de Qualidade visa reconhecer formalmente os hospitais que atingirem padrões estabelecidos no sistema de avaliação e de acordo com o nível de maturidade do hospital o Selo é dividido em quatro categorias. O Selo Bronze será concedido aos hospitais que cumprirem 100% dos requisitos essenciais (RE), com validade de dois anos. A categoria Prata será concedida àqueles que cumprirem, não apenas os requisitos essenciais, mas, no mínimo, 80% de todos os requisitos exigidos, com periodicidade de avaliação de dois anos. O Selo Ouro irá para os hospitais que cumprirem, no mínimo, 95%, de todos os requisitos, com validade de três anos. E a categoria Diamante será concedida aos hospitais que cumprirem 100% de todos os requisitos, também com validade de três anos.

Com informações da Coordenadoria de Comunicação Social da Ebserh

Data da última modificação: 30/01/2020, 11:44