30.04.16

UFPE lamenta a morte do professor Ivaldo Pontes


PDF Imprimir E-mail

É com profundo pesar que a Reitoria da Universidade Federal de Pernambuco informa que faleceu, na tarde de hoje (30), aos 60 anos, o professor Ivaldo Dário da Silva Pontes Filho, diretor adjunto de Prospecção da Diretoria de Inovação da UFPE. O velório ocorrerá a partir das 8h deste domingo no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, onde o corpo será cremado às 13h.

Ivaldo Pontes era professor do Departamento de Engenharia Civil. Foi assessor do Gabinete e secretário executivo da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento (Fade) no reitorado de Amaro Lins. No primeiro mandato de Anísio Brasileiro, atuou como secretário de Relações Institucionais.

“Ivaldo esteve à frente do seu tempo. Buscou colocar a UFPE em um lugar estratégico na pesquisa brasileira. Teve sempre compromisso e carinho para com a Universidade”, afirmou o reitor Anísio. “Foi um amigo presente em todas as horas”, completou.

Para o ex-reitor Amaro Lins, Ivaldo Pontes era um cidadão combatente pelas boas causas da justiça social. “A UFPE perde um dos seus melhores quadros, e nós perdemos um querido e inesquecível amigo”, pontuou.

A diretora de Inovação da Universidade, Solange Coutinho, assim definiu Ivaldo: “Amigo parceiro, competente pesquisador, de inteligência arguta e espírito ousado e sagaz. Um homem com imenso compromisso institucional e ético, dotado de intenso bom humor e espírito crítico.” O docente deixa mulher, Myrian, e um filho, André.

Foto: Passarinho
6260458245 074938eb39
O docente exerceu importantes cargos na Administração Central da UFPE

CURRÍCULO - Ivaldo Pontes graduou-se em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Pernambuco em 1977, obteve o título de mestre pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro em 1981, e de doutor pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1993. Iniciou a docência na UFPE em 1978.

Sua experiência na Engenharia Civil tinha ênfase em métodos numéricos, atuando principalmente nos temas: elementos finitos, plasticidade, análise de limite, simulação numérica e acoplamento hidro-geomecânico. Desenvolvia pesquisas no Laboratório de Métodos Computacionais em Geomecânica (LMCG).


Compartilhar

 

121 visitantes online | 6238 visualizações

[ voltar ]